top of page

Como saber se sua ave está doente?

Ao adotar uma ave como animal de estimação, é fundamental compreender que elas são extremamente sensíveis e necessitam de bastante cuidado e atenção para se manterem saudáveis.


Diferentemente de outros bichos, os pássaros esboçam seus sintomas com muita sutileza, fazendo com que os tutores descubram quando já estão em estado grave e, na maioria das vezes, difícil de reverter.


Por isso, é tão importante saber reconhecer os primeiros sinais de que seu pet não vai bem. Dessa forma, você consegue socorrê-lo com mais rapidez, impedindo que a situação se agrave, assegurando um tratamento tranquilo e garantindo maiores chances de recuperação.


Para te ajudar, veja quais são os principais vestígios, que farão com que você aprenda a identificar se sua ave está doente:


1 – Mudanças no apetite


Sem dúvidas, este é um dos sinais mais recorrentes. Como as aves têm o metabolismo acelerado, é comum se alimentarem bem diariamente. Portanto, se você notar que ela não está comendo e tem perdido peso, fique atento, pois algo não está correto.


No entanto, algumas patologias e, até mesmo, a presença de parasitas intestinais levam a ave a se alimentar mais que o normal. Então, observe esses detalhes e veja se o seu pássaro teve alguma alteração no apetite.


2 – Alteração no consumo de água


Uma grande porcentagem das doenças que acometem as aves provoca alguma alteração no consumo habitual de água. Por um lado, distúrbios metabólicos, como o diabetes, leva um aumento na ingestão de líquidos; outras, como a cólera aviária, provoca a falta de sede.


3 – Mudanças comportamentais


Esse é um dos sintomas mais tradicionais, não só nos pássaros, mas em praticamente todos os seres vivos. A enfermidade altera o comportamento, portanto, se você reparar que sua ave anda:


· Agressiva;

· Hiperativa;

· Menos ativa;

· Recusando sair da gaiola;

· Silenciosa;

· Sonolenta;

· Triste.


É sinal de que tem algo errado e que ela está precisando, urgentemente, de cuidados.


4 – Mudanças na aparência


Os pássaros são considerados animais naturalmente limpos, que se arranjam e se cuidam permanentemente. Logo, se você perceber que suas penas parecem sujas, desgrenhadas e sem brilho, é indicação de doença.


Além disso, elas podem apresentar mudança nas cores, na textura, vermelhidão, coceira e até se desprenderem do corpo do animal. Todos esses indícios são sinônimos de parasitas ou infecções.


5 – Dificuldade em respirar ou descargas oculares e nasais


As doenças que afetam o trato respiratório são as que mais atingem os pássaros. Por isso, é importante ficar atento a esses sintomas:


· Aumento da frequência respiratória;

· Coriza;

· Espirros;

· Inflamação nasal;

· Respiração com a boca aberta;

· Roncos;

· Secreção ocular;

· Tosse;

· Variação no canto;

· Vermelhidão.


Caso você tenha notado algum deles, provavelmente, sua ave está bem doente e precisa ser levada a um profissional o mais rápido possível. Lembre-se também de protegê-la das correntes de ar e do frio.


6 – Problemas nas evacuações


As fezes dos animais de estimação dizem muito sobre o seu estado de saúde. Alterações na cor, quantidade, textura e frequência podem ser motivos de preocupação. Porém, é claro que com as variações da dieta, essas alterações podem ocorrer, mas qualquer deposição que seja amarela, preta ou avermelhada pode indicar uma hemorragia interna.


Outra recomendação é verificar a consistência, se é muito branda ou demasiado dura. Isso também ajuda a identificar possíveis doenças.

Como vimos, diversas patologias avançam silenciosamente e abatem seu pet sem evidentes e expressivos sinais. Portanto, é essencial investir na prevenção e ficar alerta, observando cada detalhe.


Por fim, não esqueça dessa dica: leve sempre sua ave em um veterinário especializado, pelo menos, a cada seis meses e esteja em dia com as vacinas e desparasitações.

18 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page